BENEFÍCIOS PARA A SEGURANÇA E SAÚDE OCUPACIONAL EM PRÁTICAS LEAN– ESTUDO DE CASO NA SIDERURGIA

Karla Maria Paiva de Carvalho, Flávio Picchi, Gladis Camarini, Edna Maria Querido de Oliveira Chamon

Resumo


Muitos trabalhos têm sido publicados apresentando os benefícios de produtividade, redução de custos e aumento da qualidade dos produtos e serviços, na implantação de práticas Lean. Porém poucos trazem benefícios relacionados à segurança e à saúde no ambiente de trabalho, o que, segundo os princípios da Toyota passa essencialmente por respeito às pessoas. Este trabalho apresenta o benefício na diminuição do risco nas atividades realizadas em uma célula de acabamentos de barras, em uma das unidades de uma empresa do ramo siderúrgico/metalúrgico de grande porte. Os benefícios foram avaliados após a implantação de um projeto seis sigma, utilizando a prática Lean de redução/eliminação das 7 perdas, que inicialmente tinha apenas como objetivo o ganho em produtividade. Observou-se que, mesmo obtendo-se benefícios como aumento da produtividade e diminuição do estoque, o risco na realização das atividades reduziu em 50%, e toda a equipe relatou benefícios ergonômicos com as alterações aplicadas.

Palavras-chave


Lean; Segurança; Saúde; Risco

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833