O ERRO HUMANO NA MANUTENÇÃO DE AERONAVES: FATORES CAUSADORES E SEU IMPACTO PARA OS ACIDENTES AERONÁUTICAS NOS ÚLTIMOS 20 ANOS NO BRASIL

Rodrigo Miguel dos Santos, Marilsa de Sá Rodrigues

Resumo


Este trabalho apresenta um estudo sobre o erro humano na manutenção de aeronaves, analisando os fatores causadores dos erros e seu impacto nos os acidentes aeronáuticos ocorridos nos últimos 20 anos no Brasil, compreendendo o período de 1998 a 2017. O estudo objetiva ressaltar como é realizada a classificação das ocorrências aeronáuticas, os tipos de erros em ambiente de manutenção, bem como quais os fatores humanos estão ligados à ocorrência de erros. São introduzidos os conceitos do Dirty Dozen como os componentes que degradam as capacidades dos técnicos de manutenção de realizarem suas tarefas. Para a quantização da influência do fator manutenção nas ocorrências aeronáuticas das últimas duas décadas no Brasil, é realizado um estudo com base em dados estatísticos, em que os resultados obtidos são comparados aos de um país que adota técnicas medidas a nível nacional de segurança de voo. Por fim, o estudo demonstra a importância de adoção de medidas integradas para gestão de recursos de manutenção, com ênfase em fatores humanos para a redução de acidentes aeronáuticos.

Palavras-chave


Dirty Dozen. Erro de Manutenção. Fatores Humanos. Gestão de Recursos de Manutenção.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833