AVALIAÇÃO DA ATITUDE EMPREENDEDORA DE MICROEMPREENDEDORES INDIVIDUAIS E DO SERVIÇO PRESTADO POR ESSA MODALIDADE DE NEGÓCIO

Helimara Amaral Sousa, Isailton Santos Reis, Vivian Manuela Conceição, Camila de Sousa Pereira-Guizzo

Resumo


O objetivo deste estudo foi avaliar as atitudes empreendedoras de microempreendedores individuais (MEI) e o serviço prestado por essa modalidade de negócio. Participaram 202 MEIs e 12 gestores de empresas do setor industrial, localizados no estado da Bahia. Os instrumentos utilizados foram: Questionário de Caracterização dos MEIs; Instrumento de Medida de Atitude Empreendedora (IMAE); e Questionário de Expectativa e Avaliação da Contratação de MEI. Os principais resultados mostram que a maioria dos MEIs relatou ter se formalizado nos últimos três anos, a partir da descoberta de uma oportunidade de negócio e possuir renda de até quatro salários. Quanto ao IMAE, o fator Prospecção e Inovação apresentou maior frequência de itens críticos; o fator Gestão e Persistência obteve maior frequência de itens favoráveis para as atitudes empreendedoras. Quanto ao setor industrial, identificou-se alta expectativa pela contratação de MEIs, porém sinalizando a necessidade de melhoria no trabalho prestado pelos profissionais dessas empresas.

Palavras-chave


Microempreendedor individual. Atitude empreendedora. Empreendedorismo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833